Função - Abrir XML de um Arquivo



  • Gostaria de saber se a função está com algum tipo de erro pois o sistema sempre retorna com "(caminho do arquivo no desktop)(The system cannot find the path especified); Não tem nenhum arquivo oculto ou pasta com senha. Não sei porque ele não acha o arquivo( que está em .xml)

    V.3.5.0.18 maker


  • O caminho do arquivo é relativo ao servidor e não ao cliente.


  • Não entendi. Na descrição ele diz pra colocar o caminho da pasta onde será feito o upload do arquivo. Quer dizer que eu devo fazer o upload no banco de dados?


  • Não. O upload é para o servidor. Ele vai cair em uma pasta dentro do contexto do sistema.
    A partir daí, você utiliza o caminho.


  • [quote="andersonleal"]Não. O upload é para o servidor. Ele vai cair em uma pasta dentro do contexto do sistema.
    A partir daí, você utiliza o caminho.[/quote] Mas como eu defino essa pasta dentro do contexto do sistema? Por exemplo: estou editando fotos, preciso pegar a imagem na pasta X para poder dar início ao fluxo. Quando uso a função upload, eu coloco no primeiro parâmentro o caminho dessa pasta X, certo? Porque assim o arquivo do computador do usuário, independentemente de onde esteja, vai ser mandado para o caminho da pasta X(?) Se essa pasta não existir ,ele vai criar ou preciso que ela já esteja criada antes?


  • Bom. Sua dúvida maior tá com a função upload.

    Recomendo que veja esse link, que é bem esclarecedor sobre o assunto:
    http://www.dicasmaker.com.br/2010/09/destrinchando-funcao-upload.html


    Qualquer dúvida, poste aí.


  • [quote="andersonleal"]Bom. Sua dúvida maior tá com a função upload.

    Recomendo que veja esse link, que é bem esclarecedor sobre o assunto:
    http://www.dicasmaker.com.br/2010/09/destrinchando-funcao-upload.html


    Qualquer dúvida, poste aí.[/quote] Sim. Eu li esse artigo mas a minha dúvida na verdade é: Porque ele retorna que não conseguiu encontrar uma pasta que se encontra no Desktop? Não entendi se eu preciso criar a pasta que eu quero dentro da pasta webrun pois ele não procura nada fora dela, ou se estou fazendo algo errado...



    (edit:) Criei um fluxo apenas com oa função upload, primeiro parametro coloquei" [color=#FF0000]C:\Program Files (x86)\Softwell Solutions\Maker 3\Webrun 3\Nova pasta[/color]" na primeira tentativa e "[color=#FF0000]C:\Program Files (x86)\Softwell Solutions\Maker 3\Webrun 3[/color]" na segunda com nada nos outros parametros . Quando vou rodar o fluxo ele aparece " Arquivo Armazenado com sucesso" mas eu vou na pasta e não tem nada lá.

    v.3.5.0.18


  • O upload é feito para dentro do contexto da aplicação. A pasta que está no CLIENTE, vc encontra com a função UPLOAD. Ela serve para subir o arquivo para o SERVIDOR.

    Uma vez que voce subiu para o servidor, dentro de uma pasta da aplicação (webrun), você consegue localizar com a função de abrir xml.

    Leia novamente o artigo que passei e veja que você está subindo o arquivo para o local errado.


  • [quote="andersonleal"]O upload é feito para dentro do contexto da aplicação. A pasta que está no CLIENTE, vc encontra com a função UPLOAD. Ela serve para subir o arquivo para o SERVIDOR.

    Uma vez que voce subiu para o servidor, dentro de uma pasta da aplicação (webrun), você consegue localizar com a função de abrir xml.

    Leia novamente o artigo que passei e veja que você está subindo o arquivo para o local errado.[/quote] Ok, desculpe pelo inconveniente. Não consegui entender o "dentro do contexto da aplicação",eu li o artigo e então preciso criar uma pasta dentro daquele diretório interno, no caso criei [color=#FF0000]C:\Program Files (x86)\Softwell Solutions\Maker 3\Webrun 3\tomcat\webapps\webrun\teste[/color],
    para que eu consiga utilizar o arquivo para outras funções? Porém ainda não consigo visualizar o arquivo ao dar f5 dentro da pasta, ele não deveria estar lá?


  • Exatamente.

    O contexto da aplicação é a pasta do webrun que você utiliza.
    Essa pasta teste que você criou está dentro do seu contexto, o entendimento é esse mesmo.

    Quando você faz o UPLOAD, ele tem que cair na pasta que você direcionou na chamada da função, se você não direcionou pasta nenhuma, ele cai automaticamente na pasta upload, dentro do contexto.
    Se você passou essa pasta teste como parametro pra função upload, o arquivo deve cair lá, quando o cliente subir.


  • [quote="andersonleal"]Exatamente.

    O contexto da aplicação é a pasta do webrun que você utiliza.
    Essa pasta teste que você criou está dentro do seu contexto, o entendimento é esse mesmo.

    Quando você faz o UPLOAD, ele tem que cair na pasta que você direcionou na chamada da função, se você não direcionou pasta nenhuma, ele cai automaticamente na pasta upload, dentro do contexto.
    Se você passou essa pasta teste como parametro pra função upload, o arquivo deve cair lá, quando o cliente subir.[/quote] Ok, entendi o conceito. Mas por algum motivo ele parece não estar fazendo o upload. Ele retorna com "Arquivo armazenado com sucesso" mas nao há nada na pasta teste. Deixei o parametro nulo para testar e ele não criou a pasta Upload não... (Que estaria em C:\Program Files (x86)\Softwell Solutions\Maker 3\Webrun 3\tomcat\webapps\webrun\)


  • Mostre os parâmetros utilizados na função upload.


  • Fiz 2 fluxos:

    Primeiro:(Selecionei teste.xml para enviar,apareceu "Arquivo enviado com sucesso", mas não está em lugar nenhum)

    UPLOAD
    | | (Deveria criar a pasta Upload, mas não cria nada)
    | |
    Nulo Nulo
    (1 parametro) (2 parametro)

    Segundo:(Mesmo teste.xml, mesma menssagem, continua não aparecendo na pasta)

    UPLOAD
    | |
    | |
    C:\Program Files (x86)\Softwell Solutions\Maker 3\Webrun 3\tomcat\webapps\webrun\teste NULO
    (1 parametro) (2 parametro)




    (edit:) Não sei se é interessante falar , provavelmente não, mas trata-se de um formulário sem ligação ao banco (sem SQL), apenas composto de um componente botão para chamar o fluxo do upload.


  • O fluxo que é chamado, quando você faz o upload do arquivo, recebe como parametro automatico, o caminho para onde o arquivo foi.
    Basta que você alerte esse fluxo para ver onde foi o arquivo.


    Cara, olhei o link que te passei, tá bem explicado e com exemplo. Basta você seguir exatamente como está lá.

    Vai outro exemplo aí:
    http://suporte.softwell.com.br/manager/upload/FAQ/novos/19.rar


  • [quote="andersonleal"]O fluxo que é chamado, quando você faz o upload do arquivo, recebe como parametro automatico, o caminho para onde o arquivo foi.
    Basta que você alerte esse fluxo para ver onde foi o arquivo.


    Cara, olhei o link que te passei, tá bem explicado e com exemplo. Basta você seguir exatamente como está lá.

    Vai outro exemplo aí:
    http://suporte.softwell.com.br/manager/upload/FAQ/novos/19.rar[/quote]
    Vou reeler o link agora pra ter certeza. Sinceramente, acredito que algums termos é que estão me confundindo um pouco, até porque sou razoavelmente novo na programação.Na descrição da função Upload aqui no maker ele diz que o segundo e terceiro parâmetros são ,respectivamente, regra cliente para validação ( opcional) e regra ( também opcional). O que seria uma regra?


    edit: Reeli o link, acredito que agora tenha entendido completamente a funcionalidade da função; Quando eu coloco o fluxo que eu quero ele deixa claro que não pode ser da camada cliente, se o fluxo do upload for servidor, porém os subfluxos desse podem ser clientes?


  • Regra é um fluxo. Você associa um fluxo ao parametro da função. Dessa forma, quando o usuário subir o aruqivo, um fluxo é automaticamente executado.
    É o que te possibilita fazer suas lógicas com o aruqivo.... Guardar no banco, mover para outra pasta, renomear.. ou qualquer coisa da sua necessidade.


  • [quote="andersonleal"]Regra é um fluxo. Você associa um fluxo ao parametro da função. Dessa forma, quando o usuário subir o aruqivo, um fluxo é automaticamente executado.
    É o que te possibilita fazer suas lógicas com o aruqivo.... Guardar no banco, mover para outra pasta, renomear.. ou qualquer coisa da sua necessidade.[/quote] Ok. Acho que entendi, obrigado. Eu só não consegui descobrir ainda por que o upload não está de fato enviando o arquivo para a pasta do primeiro parâmetro, eu dou f5, checo a pasta e ela está vazia. Ele não está criando a pasta Upload caso o primeiro parametro esteja nulo e nem enviando pra pastar dentro do contexto, quando colocada . Eu precisaria colocar alguma regra e usar o parametro automatico pra ele funcionar?


  • Basta associar o fluxo no parametro da regra que você receberá automaticamente o caminho do arquivo.
    Só criar um parametro de entrada nesse fluxo, do tipo letras e depois alertar ele.


  • [quote="andersonleal"]Basta associar o fluxo no parametro da regra que você receberá automaticamente o caminho do arquivo.
    Só criar um parametro de entrada nesse fluxo, do tipo letras e depois alertar ele.[/quote]
    Consegui entender a parte do caminho do arquivo ir pra variável, obrigado, mas o problema agora nao é mais o caminho do arquivo. A pergunta é , ele só vai fazer o upload ( mandar o arquivo ,fisicamente , pra pasta que eu quero), se eu colocar um fluxo associado a ele? porque o arquivo que eu quero dar upload não aparece, fisicamente, na pasta destino, mesmo dando f5 na pasta depois do upload.


  • A pasta de destino é você quem vai dizer. Por padrão é a pasta UPLOAD. É pra lá que ele vai mandar. Caso contrário, você tem que informar no parametro pra onde vc quer que vá.

    Em relação à regra que vc disse que entendeu, então basta alertar e vai ver pra onde ele está mandando o arquivo.
    É pra esse local que você quer? Ele está alertando qual caminho? Você parametrizou algum?

Log in to reply